the fame is... the word is...

POSTED ON: 16 de out de 2010 @ sábado, outubro 16, 2010 | 0 comments

As palavras acompanham nossa existência, elas nos permeiam, nos cercam, nos salvam e nos matam na mesma intensidade. Lucila Nogueira diz que "excreve para exorcisar fantasmas", Dickinson, por sua vez, diz que "os Poetas acendem Lâmpadas - mas eles próprios - se apagam". Escrever/ler é sempre um escapismo, uma segunda chance, um lapso no vácuo onde podemos recomeçar. Espero que, nessas esquinas virtuais, possamos, segundo o Caio Fernando Abreu, decifrar nossa própria paisagem interna.

← OlderNewer → / Newer →
ニャー